Guia Para Gastar Pouco em Buenos Aires

Se está planejando conhecer a capital da Argentina e quer gastar o mínimo possível, confira essas dicas

305

Os tempos de vacas gordas já terminaram! Aqueles anos em que os brasileiros visitavam a Argentina e o câmbio estava super favorável e tudo parecia baratíssimo já não existem mais.

O país vem passando por um severo processo inflacionário e da moeda nacional, o peso,  super valorizado, o que faz com que os preços pareçam astronômicos para os turistas (e para os que vivem na Argentina também).
Para os que não querem perder a oportunidade de conhecer o melhor da cidade mas têm um baixo orçamento e visam gastar pouco, esse guia é fundamental.

Como Locomover-se

Com o cartão você SUBE você pode obter as melhores taxas para a utilização de transportes públicos na cidade. Além disso, é a maneira mais rápida, mais fácil e mais barata para pagar a viagem de ônibus ou metrô.

Você pode comprar o cartão em quase qualquer Kiosco (loja de conveniência) espalhado pela cidade ou nas estações de metrô. Confira aqui todos os pontos de venda e recarga do cartão.

Outra possibilidade é deslocar-se na cidade de bicicleta. Buenos Aires tem um programa de bicicletas compartilhadas grátis (veja como usar uma aqui), e uma extensa malha de ciclovias.

Onde Ficar

A cidade tem mais de 36.000 lugares disponíveis para os visitantes que querem gastar pouco. Há uma ampla oferta hotelera de estabelecimentos com 1, 2 e 3 estrelas. Você pode encontrar essa lista completa de hotéis e apart hotéis aqui.

Nos últimos anos muitos donos de imóveis estão colocando seus apartamentos inteiros ou simplesmente um quarto da casa disponível para alugar pelo Airbnb.

Outra opção para quem quer gastar pouco são os hostels que estão por toda a cidade. Nesse link você encontra uma lista dos principais hostels da cidade. Essa é uma ótima pedida se você está viajando sozinho e quer fazer amigos.

Agora se você está realmente curto de grana e quer uma experiência mais próxima do que é viver em Buenos Aires, pode tentar encontrar uma acomodação no Couch Surfing. Essa modalidade de hospedagem GRÁTIS, onde uma pessoa disponibiliza um quarto de sua casa ou apartamento, ou mesmo o sofá de sua sala em troca de… fazer um amigo, é algo bem comum em Buenos Aires.

O Que Comer

Buenos Aires é uma cidade para SE COMER. A oferta gastronômica na cidade é muito grande, para todos os gostos e todos os bolsos. Como o objetivo é gastar pouco, o mais recomendável é comer nas conhecidas “parrillas” (como são chamadas as churrascarias na Argentina). Também tem muita comida “al paso” (para levar) e as pizzarias como Kentucky, Império e Güerín são as mais recomendadas já que nessas você pode comprar fatias e não necessariamente uma pizza inteira.

Há uma rede de restaurantes de comida tradicional argentina, que possuem nomes diferentes porém têm o mesmo menu. Os pratos são grandes, saborosos e muito em conta. Confira os seus nomes e endereços abaixo:

Las Cabras – Fitz Roy 1795
La Cholita – Rodríguez Peña 1165
Las Cholas – Arce 306
La Colorada – Migueletes 840
La Hormiga – Armenia 1680
La Clotilde – Jerónimo Salguero 2692

Uma outra opção muito comum é pedir o prato do dia que quase todos os restaurantes têm. Esse menu geralmente já vem com bebida e sobremesa (postre em espanhol).

Onde Comprar

Como já foi dito no início do artigo, não é o melhor momento para comprar na Argentina. O país está muito caro comparado com outros momentos no passado. Mesmo os famosos outlets da Villa Crespo já não estão tão baratos.


Entretanto,  brasileiro é brasileiro e sempre quem procura acha, e você sempre pode encontrar uma pechincha.

Há outros dois lugares na cidade de comércio popular, são os bairros de Once e Flores. nestes locais não há grifes, porém há uma enorme oferta de roupas, sapatos e acessórios de moda com preços muito em conta (muito mesmo).

Para os que gostam de ler, a cidade está repleta de  “sebos”, eles estão localizados principalmente na Avenida Corrientes e na Avenida Santa Fe na altura da Plaza Italia.

Nesses sebos você encontrará de TUDO e não só livros. Discos (confira a lista com as melhores lojas de LP vinil da cidade), CDs, gibis, revistas, posters, flâmulas de times de futebol, álbum de figurinhas, jornais antigos, etc.

O Que Fazer

Buenos Aires é uma cidade com muitas atividades culturais e muitas delas são grátis. Há uma enorme quantidade de parques, praças, museus, monumentos, lugares históricos que podem ser visitados gastando muito pouco ou até mesmo sem gastar dinheiro nenhum. Quem está com o orçamento limitado não vai ficar sem ter o que fazer. Confira aqui a lista com as atividades ao ar livre.

Parque Rosedal de Palermo

Outras opções gratuitas são:

Cementerio de La Recoleta

Banco da Mafalda e seus amigos

Casa Rosada

Catedral

Floralis Genérica

Com essas dicas você pode aproveitar o máximo da cidade e sem gastar muito dinheiro. Agora é mochila nas costas e celular na mão (já que quase ninguém usa mais mapa).